sexta-feira, 26 de fevereiro de 2021

É Muito fácil falar de longo prazo...

O difícil é conseguir executar o plano de longo prazo. (Provérbio de Wall Street)

Eu já percebi uma coisa nesse mundo do Buy And Hold da bolsa de valores.
Muitos investidores enchem a boca para falar que a estratégia dele é de 5,10, 15 anos e que não pretendem vender e não estão preocupados com as oscilações de curto.

Mas na primeira onda de baixa, peida na farofa, vende tudo e diz que bolsa não é para ele.

Expectativa: Seguir a estratégia do Barsi. 
Realidade: Você é o passarinho.

LONGO PRAZO!

Sim, eu realmente acredito que se o cara esperar 5-10 anos, ele vai ter o retorno acima da renda fixa. Embora tem muitos aí que empatam com a caderneta de poupança.

Mas oque eu quero dizer é o seguinte, que é MUITO FÁCIL FALAR EM 10 ANOS DE INVESTIMENTO.

Mas poucas pessoas realmente sabem OQUE É 10 ANOS DE INVESTIMENTOS! 

10 anos é MUITO TEMPO! E são várias "idas ao inferno" nesse intervalo.

Você nunca tem certeza de nada, nunca sabe se irá recuperar o dinheiro mesmo. Estará vulnerável a qualquer crise.

VAI PRECISAR DO DINHEIRO? NÃO COLOQUE EM AÇÕES.

Outra coisa, eu tive que encerrar minhas posição ontem na Bolsa. Porque precisei do dinheiro para investir na vida real.

O Saldo no final foi 5 meses de dinheiro investido e -700 negativos.

Hoje eu vejo que aquele conselho do Bastter é mais Sábio do que nunca:

" Se você for precisar daquele dinheiro num intervalo de 2 anos, não faça a besteira de colocar em Bolsa"

E foi oque aconteceu comigo, eu sabia que poderia precisar do dinheiro que estava lá e mesmo assim eu coloquei. Olha oque aconteceu? FUMO! 

Quantos você conhece que realmente investem há 10 anos?




Então eu cheguei a uma conclusão sobre investir a longo prazo.

NÃO VAI ACHANDO QUE BOLSA É PARA TODO MUNDO! PORQUE NÃO É.

NÃO ACHE QUE PORQUE O BUFFET, O BASTTER, O LYNCH FALOU QUE É SÓ BOTAR LÁ APORTAR E ESPERAR 5-10 ANOS QUE VAI DA TUDO CERTO. PORQUE TEM GRANDES CHANCES DE VOCÊ NÃO AGUENTAR.

O SEU MAIOR INIMIGO SERÁ SUA NATUREZA HUMANA! 

Hoje eu vejo isso claramente. 

O BuyAndHolder acha que quem se fode na bolsa é SÓ o daytrade. Mas será que é só o DayTrade?

Quantos por aí não entraram com estratégia de longo prazo e também não aguentaram a pressão na caminhada.

Como eu ouvi essa semana de um sábio no Twitter.

" Quem tem carteira de ações é institucional, oque você tem é uma cartela de apostas"

E não é verdade? O Buyandholder acha que só comprar as ações que tem na carteira do Luis Barsi e esperar. Mas a questão não é a ação, a questão é, você aguenta esperar? você aguenta Haddad em 22? Você aguenta Bolha da tecnologia?

Será que esses 10years investors também não são os tais 1% do DayTrade?

AGORA É PARA SEMPRE!

Para finalizar queria dizer que não pretendo mais por dinheiro na bolsa.
Porque como já disse nesse blog uma vez, as oportunidades na vida real apareceram.

E vou precisar de muito dinheiro daqui para frente para investir na empresa.

Mas mesmo sem esse fato, não investiria mais em bolsa.

Não tenho estômago para ficar todo dia preocupado com governo, noticia, mundo, bolha.

Hoje prefiro deixar parado na poupança e esperar uma oportunidade real aparecer do que investir na Bolsa.

Até porque, como eu já disse uma vez, estarei fazendo muito mais bem para a sociedade investindo dinheiro na minha realidade (Cidade, comunidade)
do que na realidade de outros.

E cada dia que passa vejo que a sabedoria dos mais velhos é sempre mais útil. Quantos ricos você conhece que ficaram ricos em imóveis e quantos ricos você conhece que ficaram ricos investindo em ações? Enfim, fique a reflexão.

No filme PODER E COBIÇA, o pai da um conselho a seu filho que está investindo na bolsa de valores.
"Filho oque você está fazendo da sua vida, isso aqui não é real, é pura fantasia, vai trabalhar, vai investir seu dinheiro em coisas reais."

Eu sei que é muito bonito ser um investidor, botar lá na bibliografia do instagram e twitter. Mas na prática a pica costuma entrar com força em muita gente que é "Investidor".

Abraços fiquem com Deus.

14 comentários:

  1. Olá, Peão.

    Boa reflexão.
    No meu ponto de vista você tem que ficar fora do mercado de ações, renda variável. Você sempre está mudando de opinião. Está perdido. Não aguenta oscilações. Parece que está especulando.
    No Brasil as pessoas comuns começaram a investir na bolsa há pouco tempo. No EUA lá a maioria investe, e por lá há muitos casos de pessoas que vivem das rendas de ações.
    Eu conheço um monte de gente que tem muitos imóveis, mas muitos nem são tão bom, como não tinha o que fazer com o dinheiro, foi lá e comprou imóveis. Hoje que já passaram uns 30 anos estão bem. Isso pode acontecer na bolsa também, mas como as ações variam todos os dias e se ficar olhando para HB, a maioria não aguenta. Nesse caso é bom ir para imóveis, por exemplo.

    Cowboy Investidor.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade Cowboy, não é que eu não aguento variação.

      Meu patrimônio chegou a ficar -5k negativo em Novembro e eu não vendi. Ficou 5k positivo em Dezembro e eu também não vendi.

      A questão para mim não é essa, eu não vendi porque estava oscilando e sim porque precisei do dinheiro.

      Mas como eu disse no post, mesmo que não tivesse precisado, eu já estava desacreditado em Bolsa.

      Por mais que eu saiba de todos os beneficios da Bolsa, mas eu vejo que a prática é diferente.

      E na realidade, não estou vendo muitas pessoas carregando ações por 5-10 anos. Boa parte delas fica rodando de ação em ação e no final o patrimõnio rendeu o mesmo que renda fixa ou nem isso?

      Muitos falam que Bolsa é prevenir o patrimônio da inflação, será mesmo? Meu dinheiro foi comido pela inflação nesses 5 meses, e a bolsa ajudou a comer mais um pouco hahha.

      No final eu desacreditei mesmo. Mas boa sorte em quem acredito.

      Eu realmente acredito que quem espera 5-10 anos colhe seus frutos. Só não estou vendo muitos por aí.

      Excluir
  2. Ótima reflexão, a melhor maneira de seguir mantendo um plano por bastante tempo é estar CONFORTÁVEL com esse plano. Pessoas diferentes ficarão confortáveis com planos diferentes.

    Acho que o erro de muitas pessoas (foi meu erro no início) é colocar 100% do dinheiro em renda variável. O problema é que a gente faz os planos e o destino dá risada Hoje defendo um investimento em camadas:
    1º Camada - Reserva de emergência: renda fixa com liquidez.
    2º Camada - Investimentos escalonados de médio prazo: renda fixa de 1, 2 ou 3 anos
    3º Camada - Renda fixa longo prazo e renda variável.

    Com os atuais juros baixos as pessoas pensam que a renda fixa perdeu sua função. A única função que ela perdeu foi a de gerar renda sem se expor a riscos. Ela ainda tem a função de servir como amortecedor e evitar que você venda seus ativos de renda variável em momentos desvantajosos.

    Essa distribuição em camadas evita que você mexa na renda variável por imprevistos (1º camada) e por mudanças de planos e oportunidades (2º camada).

    Eu sou um "10years investor", infelizmente ainda não sou rico. Será que somos tão poucos assim?
    Que a fortuna agracie seus caminhos, e errando ou acertando, nada é melhor do que seguir seu próprio caminho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mindingo, me desculpe mas acho que você não entendeu o post haha.

      A questão aqui não é a diversificação de patrimônio e sim os tais 5-10 anos.

      Acho que perde-se muito a noção de tempo nas palavras escritas na internet. Eu era uma criança a 10 anos atrás velho.

      Como eu disse, respeito quem consegue e acho sim que da resultado sentar emcima de uma ação por 10 anos.

      Só acho que não existem muitos Barsis por aí.

      Excluir
  3. Fiz minha primeira compra em dezembro de 2014 desde de lá nunca zerei, a posição já resgatei pra investimentos específicos, e de vez em quando resgato os rendimentos para ajudar no orçamento sendo assim acredito no meu caso foi positivo. O que eu percebo é que vc compara renda passiva com renda ativa, dinheiro do longo prazo com reserva de oportunidade. Já me endividei pra tocar obra pra viajar trocar de carro, no momento estou pagando um consorcio inclusive, matematicamente seria mais inteligente recorrer aos investimentos mas psicologicamente é danoso imagine em qualquer situação ir resgatando acaba nunca acumulando nada, é como matar a vaca leiteira pra fazer um churrasco kkk Mas cada um com a sua estratégia investimento jamais vai te deixar rico o que te deixa rico é a renda ativa, os investimento vejo como uma solidificação do patrimônio e defesa do capital. Abraço boa sorte nos novos empreendimentos

    ResponderExcluir
  4. ser investidor pra mim é moleza
    compro relatórios contábeis prontos de empresas
    ponho meu dinheiro nelas
    9 em cada 10 ativos em que apostei dão lucro
    o que tá no prejuízo ainda posso esperar anos pra recuperar
    o mundo pode se acabar, não uso esse dinheiro pra nada
    se não tivesse na bolsa, tava na poupança (perdendo dinheiro) ou na renda fixa (perdendo dinheiro)
    fora que ainda mantenho um percentual em renda fixa e poupança por segurança mesmo
    não entendo como romantizam tanto a chatice mecânica de investir todo mês dinheiro - não vejo muita emoção nisso

    abs!

    ResponderExcluir
  5. E aí Peão, blz cara?

    Acho que realmente há muitas pessoas como você que entram com dinheiro que não deveriam ter entrado e acaba assim. Não é só daytrade que perde, na verdade não há ninguem que não perde na bolsa, TODOS perdem em algum momento, mas o que diferencia nesses momento é a mentalidade, por isso vale mais investir na mentalidade do que nos estudos técnicos.

    A maioria das reflexões que você citou aí, ao meu ver, é realmente de pessoas que entram e acreditam nas primeiras frases bonitas que veem. Por exemplo, "Quem tem carteira de ações é institucional, oque você tem é uma cartela de apostas", meu amigo, TUDO em investimento é uma aposta, tudo! Não há certeza me nada, não há certeza nem na poupança, fazer frases assim é só mostrar o vies da sua mentalidade.

    Até fazer que nem você pensa, guarda a grana na poupança e esperar oportunidades é uma aposta, a questão é, cada um aposta no que lhe convém.

    A questão central pra mim é: cada um deve investir (ou apostar) naquilo que lhe agrade, que não lhe tire o sono, que não cause estresse. A bolsa causa isso? Saia da bolsa então, está no lugar errado e você que não viu isso. Tá nervoso porque a poupança pode ser confiscada a qualquer momento? Saia dela e guarde em bitcoin ou no colchão da sua casa rsrs, como dá pra ver, tudo é questão de perspectiva, basta nos autoconhecermos pra saber onde nós encaixamos melhor.

    Abçs

    ResponderExcluir
  6. Acho que o comentário do Papo TR é perfeito.

    Você colocou grana na bolsa e descobriu que não era seu perfil, não tem nada de errado nisso. A galera hoje em dia tá vivendo a modinha da bolsa e parece que qualquer um que invista em outras coisas é burro, o que não é verdade. Eu invisto em bolsa, pois me considero incapaz de investir em agricultura ou imóveis. Eu conheço gente que vive de comprar e vender imóveis e tá se dando bem, também conheço gente que vive da pecuária e tá aí crescendo e comprando mais terra com o passar dos anos, é o perfil deles e não é o meu perfil, isso não torna eles melhores ou piores do que eu.

    Se você acha que se dá melhor investindo em empresas, poxa que bacana! Tem que ir investir nisso mesmo, é onde você tem facilidade. É o que lhe faz sentido na vida.

    O que digo é que vale a pena arriscar, ainda mais quando se é jovem e está com 20-30 anos, quase ninguém no final dessa faixa etária tem algum patrimônio de verdade (financiamento não conta), se tudo der errado no máximo você será um brasileiro médio nos trinta anos e inda terá a vantagem da experiência para corrigir os acertos nos anos futuros.

    Boa sorte!

    Abraços,
    Pi.
    https://poupadordointerior.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Falaê, Peão!

    Cara, eu assino embaixo o comentário do TR. O longo prazo, pra mim, é de pelo menos 15 anos, e há quem diga que longo prazo DE VERDADE é de pelo menos 20 anos. MInha abeça já está condicionada que o meu prazo é, sim, de cerca de 15 anos aportando pra chegar no ponto que eu quero. Essa é uma estimativa BEM conservadora que fiz, imaginando não o pior dos casos, mas muito longe do que um bom caso poderia trazer. Você realmente precisa estar confortável com o plano que você traçou, se não não tem como alguentar as incertezas que são INERENTES ao processo.

    Eu digo que estou totalmente confortável, se a bolsa voltasse semana que vem pros 50 mil pontos o que eu ia fazer seria aportar tudo que eu pudesse (claro, a não ser que alguma coisa muito fora da curva estivesse ocorrendo, tipo a quebra do país como um todo). Então, se você se sente confortável em manter seu dinheiro na poupança estagnado, enquanto você aguarda as tais oportunidades surgirem, eu não tenho dúvida que é isso que você deve fazer. Não há certo ou errado. Investimento certo é aquele que te leva onde você quer e não tira o seu sono.

    Abraço!
    https://engenheirotardio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Show de bola irmão. Que bom que você se sente confortável com essa estratégia. Para você ver como somos diferentes, eu provavelmente entraria em pânico se a bolsa voltasse para 50k.

      Então está ai a resposta: Bolsa não é para mim mesmo.

      Apesar de eu gostar muito do mundo do empreendedorismo, das empresas e etc. Acredito que me dou melhor no mundo fisíco. Abraços.

      Excluir
  8. Fala Pião huauhauaauh! Belo texto! O ruim é que a mídia está fazendo propaganda pra sardinhada enfiar seu patrimônio na bolsa em qualquer coisa. Com a esquizofrenia que o mercado está, qualquer peidinho na farofa vira um vendaval que leva tudo do phodido que tinha esperança em ficar rico. Racionalidade + conhecimento + autocontrole te leva longe, eu não sei de tudo mas estou aprendendo aos poucos, comecei no mundo de opções em que tudo é motivo pra sua grana virar pó. Um abraço e xuxéxu!

    ResponderExcluir